É obrigatório o ponto-final na presença do verbo (em orações)?

Saiba quando é obrigatório utilizar o ponto-final.

, 21 de maio de 2013

Pergunta : Boa tarde. No exercício das atividades de revisora textual em agências de publicidade, frequentemente sou questionada sobre a necessidade de ponto-final em orações curtas, como "Conheça mais sobre o código de ética da empresa", em materiais publicitários. Antes de dar a opção da "licença publicitária", falo sempre de uma regra, com a qual tive contato na universidade e em cursos, que indica: quando é uma frase sem verbo (não oração, portanto), não há necessidade de ponto-final. Do contrário, na presença de verbo(s), deve haver ponto-final (um deles, seja final, exclamação ou interrogação). O problema é que fui procurar embasamento teórico sobre isso e não achei em lugar algum. Agora estou insegura quanto à referida regra. Podem esclarecer a respeito?

Resposta : Prezada consulente,

Recomenda-se utilizar o ponto-final após uma sentença oracional, ou seja, pressupõe-se, como bem observou, a presença de um verbo. Os sintagmas nominais não são em geral pontuados como, por exemplo, títulos de livros ou de capítulos e subtítulos. Assim, continue a pontuar apenas os sintagmas oracionais.

Moral da história

Quando não há presença de verbo, não há obrigatoriedade de algum ponto final. Quando há verbo, sim, é recomendado pontuar.

DICAS complementares do Revisão para quê?

um verbo já é uma oração (ex.: Choveu.);

o verbo pode estar em forma nominal (gerúndio, infinitivo e particípio), não sendo, por alguns teóricos, considerado verbo nessa situação;

3 - pontos-finais (os que finalizam orações e a seguir dos quais devemos colocar inicial maiúscula) são somente o de interrogação (?), o de exclamação (!) e o final (.).

 

P.S.: o atendimento da ABL melhorou muito. A resposta veio em menos de 24 horas. :)


Escrito por Janice Souza,
em 21 de maio de 2013.
Foto de Janice Souza